Rastreador para caminhão: esclareça as principais dúvidas! - Blog Cavese Scania - Tudo sobre o seu caminhão
Rastreador para caminhão: esclareça as principais dúvidas!

Com a evolução da tecnologia, muitos segmentos de mercado melhoraram ao longo do tempo, especialmente o setor de transporte de carga, graças ao surgimento do rastreador para caminhão.

Esse dispositivo nada mais é do que um sistema de geolocalização que, após sua instalação no veículo, mostra onde ele está circulando em tempo real. Geralmente são equipamentos pequenos que enviam sinais por meio de antenas.

Neste post, esclareceremos as principais dúvidas sobre o rastreador para caminhão. Confira!

Como funciona o rastreador para caminhão?

O rastreador veicular pode funcionar de duas formas:

Via radiofrequência (RF)

Se baseiam na triangulação de sinais obtidos por redes constituídas por longas hastes receptoras, que proporcionam uma ampla cobertura de área, e mostram o posicionamento do alvo rastreado inclusive em locais cobertos e/ou fechados.

Via GPS (Sistema de Posicionamento Global)

Funciona por meio de um grupo de mais de 20 satélites, que circundam pelo Planeta de uma forma que no mínimo 4 deles estejam visíveis pelos sensores de qualquer posição do globo.

Dessa maneira, esse dispositivo envia sinais para pontos receptores posicionados na superfície da Terra, que, por sua vez, são direcionados para centrais que realizam o serviço de rastreamento automotivo.

Curiosidade: o famoso aparelhinho popularmente conhecido como GPS, na realidade, é um navegador que usa o sistema de GPS para funcionar.

Quais são as vantagens de um rastreador para caminhão?

As vantagens são inúmeras, porém listamos as principais:

Monitoramento em tempo real

As transportadoras podem saber precisamente onde está localizado o caminhão e a mercadoria, pois a atualização é feita na hora. Se o veículo fizer uma rota diferente da definida, é possível verificar se não houve desvios.

Custos reduzidos

Trabalhar com rastreadores não é tão caro. Antigamente  quando a tecnologia foi lançada , isso até era verdade, mas hoje a realidade é outra. As empresas frotistas realizam um investimento mínimo para ter acesso aos sistemas de rastreamento e os retornos conseguidos são notáveis.

Maior segurança

Como tudo é acompanhado instantaneamente, qualquer problema é facilmente descoberto. Assim, a central de monitoramento pode ser comunicada prontamente, o que evita e coíbe furtos. Sem contar que também é possível instalar funcionalidades adicionais, como travamento de portas, impossibilitando ainda mais as ações de bandidos.

Melhoria da logística

Não é somente comodidade e segurança que o rastreador para caminhão traz para as transportadoras e seus motoristas. Ele pode auxiliar na otimização das atividades logísticas, graças às informações estratégicas, como acesso às rotas, atrasos, tempo de parada, entre outros aspectos que podem ser usados para aprimorar o transporte de cargas.

Você, gestor de frota, consegue avaliar as rotas estrategicamente e, dessa forma, definir a melhor maneira de efetuar as entregas em tempo, reduzindo custos com combustível e pedágios.

Mais tranquilidade para todos os envolvidos

Tanto a empresa quanto a contratante ficam mais despreocupadas sabendo que existe um monitoramento em tempo real de tudo o que está acontecendo. Assim, se houver atraso, serão notificadas instantaneamente, podendo aplicar ações que não impactam na sua produtividade.

Como é feita a instalação do rastreador para caminhão?

A instalação é uma etapa que exige conhecimentos elétricos específicos. Ela deve ser feita por um profissional especializado em dispositivos eletrônicos para veículos.

Basicamente, o processo é realizado conectando todos os fios de comunicação no sistema elétrico do caminhão. O ideal é que isso seja feito próximo ao sistema de ignição, pois facilita a conexão do rastreador aos diversos mecanismos existentes na máquina.

Para quem quer evitar problemas com a garantia do sistema elétrico do veículo, basta fixar o equipamento sob o capô, plugando o fio vermelho no positivo e o fio preto no negativo da bateria.

Após a instalação, é importante fazer alguns testes para comprovar se o rastreador está captando os sinais e informando a posição correta do caminhão. Dessa maneira, você garante um serviço bem executado e aumenta a satisfação dos seus clientes.

Qual a relação do rastreador para caminhão com o seguro auto?

Essa relação é muito vantajosa, pois muitas seguradoras recomendam a instalação do rastreador na hora de contratar o seguro. Isso porque esse aparelho pode diminuir muito o valor do serviço de proteção, uma vez que oferece uma probabilidade maior de recuperação do caminhão, fazendo com que a concessora tenha mais confiança em um frotista que garante maiores chances de recuperação.

O que é necessário considerar na hora de adquirir um rastreador para caminhão?

É muito importante que você realize uma comparação entre as soluções de diversos fornecedores antes de comprar. Não se deixe iludir por uma marca só porque ela é mais popular, ou porque seus concorrentes a utilizam. Considere o que realmente interessa: que o modelo de rastreador, bem como seu sistema, atendam totalmente às demandas do negócio.

Veja abaixo nossa lista de requisitos que uma tecnologia desse tipo deve ter para não deixá-lo na mão:

  • possuir certificado da ANATEL, garantia, suporte técnico e contato 24 horas;

  • verificar se o equipamento oferecido é do fabricante ou está sendo vendido por um terceiro;

  • possibilidade de gerar relatórios completos, com informações sobre jornada de trabalho, tempo que o caminhão ficou ligado, paradas realizadas, quilômetros rodados, rotas percorridas etc;

  • ter mapas atualizados com todas as estradas e avenidas que permitam uma consulta por CEPs, ruas e números;

  • dispor de um catálogo com todas as médias e grandes cidades, além de permitir um zoom detalhado;

  • contar com ignição virtual ou por acelerômetro essa funcionalidade permite instalar o dispositivo em modelos em que não se pode modificar o sistema elétrico;

  • ter a opção de repouso, para que o rastreador possa “dormir” após o motor ser desligado, o que evita o gasto desnecessário de bateria do caminhão, ou do próprio aparelho;

  • ter sistema antifurto, bem como horímetro e odômetro;

  • monitorar a tensão das baterias: interna e externa;

  • contar com alerta de falhas, ou baixa energia de bateria.

E então, as dúvidas sobre rastreador para caminhão foram sanadas? Está tentado em adquirir esse tipo de equipamento para sua frota? Esperamos que sim, pois ele ajudará você e sua equipe a realizarem entregas com mais rapidez e eficiência!

Gostou deste conteúdo? Então não deixe de seguir nossas redes sociais para ficar por dentro de nossas novidades. Estamos no Facebook, no LinkedIn e no YouTube!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *